Comunicado 03/2020 – Dicas para ações de mobilização e debate com candidato(as)

  O coletivo que articula a Conferência Popular por Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional lançou hoje a Carta Aberta “Por Sistemas Alimentares saudáveis e sustentáveis em nossas cidades, cujo objetivo de influenciar a plataforma de candidatos(as), e a escolha dos(as) eleitores(as) comprometidos com a realização do Direito Humano à Alimentação e à Nutrição Adequadas…

Carta Aberta por Sistemas Alimentares Saudáveis e Sustentáveis em nossas cidades

A comissão organizadora da Conferência Popular por Direitos, Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (CPSSAN) preparou uma carta aberta à sociedade brasileira, aos partidos políticos, candidatos e candidatas nas eleições municipais de 2020. Denominada Carta por Sistemas Alimentares saudáveis e sustentáveis em nossas cidades. O documento pede o compromisso dos partidos políticos, candidatos(as) e eleitores(as)…

Solidariedade e resistência: comitê do Maranhão da Ação da Cidadania prioriza a escuta para levar o que a comunidade precisa

Que aprendizados trazem as experiências das organizações da sociedade civil para o enfrentamento das crises humanitárias e para a sinalização de caminhos e políticas possíveis de combate à fome, de abastecimento alimentar na luta pela Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional, e do Direito Humano à Alimentação Adequada? Essa foi a pergunta endereçada ao comitê…

O que é Cultura Alimentar na Lei Aldir Blanc?

Comer é também ato social, cultural e político. Na Conferência Popular por Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional, o tema mobilizador “comida de verdade como patrimônio” expressa a importância e relação da cultura alimentar com a soberania e segurança alimentar e nutricional.   “Cultura alimentar é o saber fazer, o falar, o ritual, a ancestralidade,…

Coletivo de jovens negrxs atua com segurança alimentar, negócios digitais e nova economia na Bahia

Que aprendizados trazem as experiências das organizações da sociedade civil para o enfrentamento das crises humanitárias e para a sinalização de caminhos e políticas possíveis de combate à fome, de abastecimento alimentar na luta pela Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional, e do Direito Humano à Alimentação Adequada? Essa foi a pergunta endereçada ao coletivo…

Carta denuncia impactos do veto à lei Assis Carvalho

Várias organizações e movimentos da Conferência Popular por Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional assinaram carta denunciando veto quase integral do governo Bolsonaro à lei Assis Carvalho nº 14048/2020. A carta “Pela Garantia de Alimentos Saudáveis e Sustentáveis contra a Fome e a Política Genocida do Governo Bolsonaro” foi divulgada ontem , dia 11 de…

Solidariedade é uma prática permanente e política no MST

“A pandemia desnudou inúmeras desigualdades e trouxe à tona a situação dramática e trágica do Brasil com políticas de destruição e violação permanente de direitos”. É o que afirma Maria Emília Pacheco, assessora da ONG Fase, integrante da Articulação Nacional de Agroecologia (ABA) e do Fórum Brasileiro de Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (FBSSAN). No…

Foto: MDA/2015

“Vetos ao PL 735 negam cidadania e o direito à alimentação”

por Maria Emília L. Pacheco¹ Em artigo, Maria Emília Pacheco, assessora da FASE, analisa as consequências dos vetos feito pelo presidente da república ao PL 735, que garantiria amparo emergencial aos agricultores familiares “Contrariedade ao interesse público e inconstitucionalidade”, esta é a justificativa contida nas primeiras linhas da mensagem do presidente Jair Bolsonaro dirigida ao…

Bolsonaro Decreta Fome diz o Movimento de Pequenos Agricultores (MPA)

O Presidente Bolsonaro vetou TODAS as medidas de apoio aos pequenos agricultores previstas no PL 735 aprovado por quase unanimidade no Congresso Nacional. As medidas previstas nesta Lei teriam importante impacto na proteção da vida e das condições de produção das mais de 4 milhões de famílias pobres que ganham sua vida produzindo alimentos no…

Distribuição de cestas com alimentos da agricultura familiar pelo PNAE tem que continuar

Apesar do veto presidencial ao artigo 8º do da Lei nº 14.040, de 18 de agosto de 2020, referente ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) durante a pandemia, os estados e municípios seguem autorizados a utilizar os recursos descentralizados do Fundo Nacional de Desenvolvimento Escolar (FNDE/MEC) na distribuição de cestas de alimentos, com a…